Azeite: informações nutricionais – entenda porque ele faz tão bem à saúde

Compartilhe

Muitas pessoas se preocupam com as informações nutricionais do azeite de oliva – afinal, ele é mesmo rico em nutrientes e propriedades capazes de proteger a nossa saúde?

Aprenda mais sobre as informações nutricionais do azeite extravirgem e descubra como ele pode ajudar a trazer mais sabor e saúde para suas receitas e ainda auxiliar no controle de peso.
Saber mais sobre as informações nutricionais do azeite pode ajudar a fazer escolhas melhores para a sua alimentação.

Se você busca uma resposta rápida, é sim: de todos os óleos comestíveis, o azeite extravirgem tem um dos mais altos níveis de ácidos graxos monoinsaturados.

Estudos já demonstraram que o consumo de ácidos graxos monoinsaturados reduz os níveis de colesterol total do corpo, o que pode ajudar a diminuir o risco de doenças cardíacas.

Mas se você quer se aprofundar e conhecer mais sobre as informações nutricionais do azeite, esse artigo pode ser muito útil – então siga na leitura e aprenda mais sobre este alimento tão especial.

Informações nutricionais do azeite: o que você ganha com uma colher de sopa?

  • Calorias: 119
  • Proteína: 0 gramas (g)
  • Gordura: 13,5g
  • Gordura saturada: 1,9g
  • Ácidos graxos monoinsaturados (MUFA): 9,9g
  • Gordura poliinsaturada: 1,4g
  • Carboidrato: 0g
  • Fibra: 0g
  • Açúcares: 0g

O azeite de oliva extravirgem é considerado uma gordura saudável, o que significa que não contém proteínas ou carboidratos (incluindo fibras ou açúcar).

Sua composição envolve gorduras monoinsaturadas saudáveis para o coração, com uma pequena quantidade de gordura poliinsaturada e gordura saturada.

Uma das vantagens de usar azeite de oliva extravirgem em suas receitas – especialmente aquelas com vegetais – é que ele ajuda seu corpo a absorver vitaminas solúveis em gordura (como A, D, E e K) da refeição.

Incluir o azeite de oliva extravirgem em suas receitas garante mais saúde e qualidade de vida.
Incluir o azeite de oliva extravirgem em suas receitas garante mais saúde e qualidade de vida.

Como o azeite de oliva extravirgem se compara a outros óleos

Ao escolher o óleo que usará para cozinhar, é importante ter em mente que cada tipo tem em média o mesmo número de calorias (cerca de 120) e gordura (cerca de 14 g) por colher de sopa – o que difere de fato é o tipo de gordura. Veja como as informações nutricionais do azeite se comparam às dos outros óleos culinários:

  • Óleo de abacate: como os frutos são compostos principalmente de MUFAs, o óleo de abacate é o mais próximo nutricionalmente do azeite de oliva. Ele contém 1,6g de gordura saturada, 9,9g de MUFA e 1,9g de gordura poli-insaturada;
  • Óleo de canola: por ser uma gordura principalmente insaturada, o óleo de canola também é bastante semelhante ao azeite de oliva com relação à quantidade de MUFA – são 8,9g. Difere no teor de gordura poli-insaturada, que é de 3,9g. Ele também contém 1g de gordura saturada;
  • Óleo de semente de uva: composto principalmente de ácidos graxos poliinsaturados (PUFA) (9,5g), tem 2,2g de MUFA e apenas 1,3g de gordura saturada. Vale explicar que tanto os MUFAs quanto os PUFAs têm sido associados à saúde do coração, ajudando a melhorar os níveis de colesterol no sangue;
  • Óleo de coco: bastante diferente do azeite de oliva, já que a maioria de suas gorduras (11g, ou cerca de 83 por cento) são saturadas. Ele também tem menos de 1g de MUFA e uma quantidade escassa (0,2g) de gordura poliinsaturada.

Como você pode ver, as informações nutricionais do azeite mostram que ele é uma excelente opção para deixar suas receitas mais saborosas e saudáveis.

Mas lembre-se: embora a gordura seja do tipo saudável, você deve usá-lo moderadamente para cozinhar e temperar alimentos. O consumo recomendado é de 30g por dia – o equivalente a duas colheres de sopa, em média.

O azeite extravirgem faz bem para a saúde e ainda dá sabor às saladas e outros pratos.
O azeite extravirgem faz bem para a saúde e ainda dá sabor às saladas e outros pratos.

Como o azeite de oliva extravirgem contribui na sua dieta

O excesso de peso vai muito além da ingestão excessiva de calorias – mas utilizar as informações nutricionais do azeite para incorporá-lo em sua alimentação pode ajudar a neutralizar outros fatores responsáveis ​​pelo acúmulo de gordura:

  • Adicionar mais azeite de oliva extravirgem à sua dieta fornece ao seu corpo nutrientes importantes e todas as gorduras saudáveis ​​de que ele precisa, reduzindo assim o desejo de consumir alimentos sem nutrientes – como refrigerantes, biscoitos e pães;
  • Ao ingerir o azeite extravirgem junto com vegetais e proteínas magras em sua dieta, você pode evitar o consumo excessivo de açúcares e grãos indutores de aumento de peso;
  • O consumo de gorduras trans artificiais encontradas em óleos vegetais hidrogenados e refinados pode causar sérios problemas de saúde e contribuir para o ganho de peso. Em vez disso, usar azeite de oliva extravirgem pode ajudar a combater os efeitos negativos das gorduras trans.

Muitas pessoas consomem azeite de oliva extravirgem por conta de seu poder antioxidante, mas outra de suas vantagens é a saciedade que ele proporciona.

Ao alimentar-se com gorduras saudáveis, aumentando a ingestão de azeite de oliva, você se sentirá mais satisfeito por um longo período de tempo e menos tentado a comer demais.

É por isso que muitos especialistas apontam o azeite de oliva extravirgem como um importante suporte na perda de peso e manutenção da saúde – para adultos e crianças.

Agora que você já conhece as informações nutricionais do azeite de oliva, é hora de fazer as escolhas certas – e o Olibi, com sua baixíssima acidez e o frescor da Serra da Mantiqueira, é o ideal para garantir sabor e saúde para toda a família.

O Olibi é produzido em Aiuruoca, em meio à Serra da Mantiqueira, e alia frescor e baixa acidez.
O Olibi é produzido em Aiuruoca, em meio à Serra da Mantiqueira, e alia frescor e baixa acidez.

Clique aqui e garanta já o seu em nossa loja online!


Compartilhe
No Comments

Post A Comment